Marcos Túlio da Borrachalioteca no Programa Conexão Futura



Os festivais de literatura tem sido destaque em diversas cidades do Brasil. A Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), a Bienal do Livro do Rio, a Feira do Livro de Porto Alegre são exemplos de eventos tradicionais. As atividades dos festivais envolvem a população e possibilitam que leitores de todos os gostos tenham um contato mais próximo com autores e suas obras. Além disso, eles disseminam o hábito da leitura em tempos de avanço da tecnologia e de questionamentos sobre o papel do livro físico na era digital. Para conversarmos mais sobre a importância desses festivais para incentivar a leitura vamos conversar com Schneider Carpeggiani, jornalista e curador literário da Bienal do Livro de Pernambuco; Marcos Túlio Damascena, idealizador do projeto “Borrachalioteca” em Minas Gerais; e Tânia Rösing, idealizadora da Jornada de Literatura de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul.| Conexão Futura, 25 de setembro de 2015. Apresentação: Cristiano Reckziegel

0 comentários:

Postar um comentário