Oficina de Literatura Africana e Literatura Negra


Durante os dias 20 e 21 de maio o Polo de Leitura "Sou de Minas Uai" promoveu a oficina "Literatura Africana e Literatura Negra Contemporânea no Brasil: alguns olhares". A atividade foi ministrada pela escritora Cidinha da Silva e pela Bel Santos Mayer, que também atua em prol da leitura na cidade de São Paulo como integrante do Polo Literasampa. 

A ação foi realizada em parceria com o Instituto C&A de Desenvolvimento Social (Programa Prazer em Ler) e o apoio do Sesc Palladium. 

A oficina teve inscrição aberta ao público e contou com a participação de mediadores de leitura, educadores, gestores de bibliotecas comunitárias, de ong's, ilustrador, universidade, entre outros...


A estrutura da oficina foi baseada nos seguintes objetivos:

Sensibilizar as (os) participantes para criação/ampliação de repertório relacionado à literatura africana e literatura negra;

Refletir sobre a importância de conhecer as produções de escritores e escritoras africanos e negros, para uma melhor leitura de mundo;

Analisar as representações de mulheres e homens negros na literatura e discutir o papel da literatura na construção e desconstrução de estereótipos e preconceitos;

Oferecer ao (à) participante um panorama das questões políticas e estéticas envolvidas na construção dos conceitos de literatura negra;

Apresentar diferentes olhares de escritoras e escritores negros, teóricos da literatura e militantes do antirracismo sobre o tema;

Facilitar o acesso a diferentes respostas e propostas estéticas da literatura negra por meio do texto literário;

Oferecer bibliografia e subsídios para a constituição de acervo de literatura africana e literatura negra, bem como para a mediação destes textos.

Cidinha da Silva e Bel Santos Mayer
Leitura compartilhada




0 comentários:

Postar um comentário